quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Reportagem fotografica


Não tenho estado com grandes “feelings” para a escrita. Bem, não tem sido só para a escrita, para tudo um bocadinho, o que se reflecte bastante na escrita!


O tempo também não tem sido aquele amigo! Tanta coisa para se fazer e pouco tempo para digerir, processar e sintetizar. Como dizem os alentejanos - Tudo tem o seu preceito e sem ele nada feito.

Alentejo, Ribatejo, Gerês, tem sido o país de lés a lés. Ou quase!
A reportagem fotográfica é digna de se ver e de se partilhar.

Já o frio, os cheiros ou melhor as próprias das vivências… Só para quem as sentiu ou melhor viveu!

Há quem diga que me escondo atrás de uma maquina fotográfica. Admito que pode ser verdade. Mas geralmente vale a pena. O que se perde, ganha-se a recordar. Será bom, será mau? Ainda não pensei muito.



4 comentários:

M.Júlia disse...

Seja muito bem aparecida, com palavras, e com umas belas fotografias deste nosso querido Portugal. Se os dias foram de passeio, acho que foi uma boa opção, pois sentir outros cheiros, ver outras paisagens, é bom para quebrar a rotina. Também gostaria de ter feito o mesmo, mas ...
Gostaria de saber qual é o rio, que tão bem fotografou!
Para si toda a minha simpatia.

sum disse...

Olá M.Júlia,
Que boa recepção!
Sim é bom arejar de vez em quando. Sabe bem ver coisas novas e bonitas.
Este rio é o rio Caldo. Se bem que há quem diga que o braço que foi fotografado já seja o Cavado. De geografia não percebo grande coisa, apesar de gostar muito. No entanto vou-me esmerar e aplicar para ir ver melhor e ver se consigo perceber e depois logo lhe digo.
:) Um beijo

Mike disse...

Olhe o que ganhámos por se esconder atrás da máquina fotográfica, já viu? ;-)
Não tem estado com grandes feelings para a escrita mas não os perdeu para a imagem. :D

sum disse...

É verdade, para a imagem ainda não perdi o "feeling", a ver o que se segue ;)

E por falar em ganhar, aquilo é mesmo muito bonito, era dificil não ficar bem nas fotografias. :D